Sidebar Menu

Presidente do PT diz que saída do governo unifica o partido

Aguimarães: "Nosso espaço era muito aquém do nosso potencial". (foto: Henrique Melo)

O presidente do diretório do Partido dos Trabalhadores de Osasco, Aguimarães de Caldas, avalia que a demissão de secretários petistas do governo de Rogério Lins é um alívio para a legenda.

Segundo ele, o partido sempre esteve dividido quanto a participação na administração municipal. "Desde o começo tínhamos pros e contras e isso dificultava até o diálogo interno do nosso partido. Hoje estamos aliviados, pois nossa estratégia será única", argumenta Aguimarães.

O presidente afirma também que o espaço que o PT ocupava no governo municipal era muito pequeno, em comparação com todas as conquistas que os petistas já trouxeram para a cidade. "Penso que com os quadros que temos poderíamos contribuir muito mais com a administração", lamentou.

Com as mudanças, Aguimarães acredita que ficará muito mais fácil de unificar os pensamentos e os destinos do partido. "Agora deu tudo certo. Vamos juntar nossa tropa e nos prepara para 2018 e 2020. O prefeito seguirá o caminho dele e nós o nosso. Vamos cobrar do governo aquilo que for bom para Osasco", finalizou.

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também: