Sidebar Menu

Osasco: vereadora Lúcia da Saúde pede a inclusão dos conselheiros tutelares nos grupos prioritários de vacinação

Objetivo permitir a imunização dessa classe de trabalhadores, que está muito mais exposta à contaminação pelo novo coronavírus
Indicação da vereadora de Osasco objetiva proteger os conselheiros tutelares, por conta do aumento das denúncias de abusos contra crianças e adolescentes (Divulgação/Câmara Municipal de Osasco)

A vereadora Lúcia da Saúde (Podemos) protocolou indicação na Câmara Municipal de Osasco, na qual solicita a inclusão dos conselheiros tutelares entre os grupos prioritários para recebimento da vacina contra a covid-19 no Plano Nacional de Imunização (PNI).

A vereadora ressalta que os profissionais estão exercendo suas atividades com normalidade, inclusive em plantão de 24h, onde atendem denúncias, reivindicações, reclamações e solicitações feitas pelas crianças, adolescentes, familiares e a comunidade.

"Ressaltamos que os atendimentos continuam presenciais, visto que estes dependem da averiguação dos conselheiros tutelares nos locais onde se encontram as vítimas para comprovação dos fatos denunciados. Nesta pandemia houve um grande aumento na demanda do trabalho destes profissionais por conta do aumento das denúncias de abusos contra crianças e adolescentes, além do que esse número tende a aumentar cada vez mais segundo informado pelos próprios conselhos tutelares de nossa cidade", diz Lúcia.

Atualmente, existem 15 conselheiros tutelares para atender a cidade de Osasco, que estão vulneráveis ao crescente contágio da covid-19. "Por isso entendemos que a medida é importante para a promoção da saúde desses servidores públicos e para o desenvolvimento e a garantia do seu trabalho que é de fundamental importância para a sociedade", finaliza a vereadora.

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/

No Internet Connection