Osasco, Carapicuíba e Itapevi serão contempladas com Praça da Cidadania

Com soluções integradas nas áreas de educação, economia e ecologia, empreendimento realizado em parceria com o Governo de SP busca promover inclusão social 
Prefeito Rogério Lins esteve na assinatura do convênio com o governador João Doria (Divulgação/Governo de SP) 

Osasco, Carapicuíba e Itapevi são três das seis cidades da Região Metropolitana que serão contempladas com a implantação da Praça da Cidadania. A assinatura do convênio aconteceu no começo da tarde desta terça-feira (3), entre o governador do estado de São Paulo, João Doria (PSDB) e os prefeitos Rogério Lins (Podemos/Osasco); Igor Soares (Podemos/Itapevi) e Marcos Neves (PSDB/Carapicuíba). A iniciativa já está presente em Santo André, Guarulhos e na capital, em Paraisópolis.

"Um programa muito importante não apenas por ser uma área de lazer, mas também como uma área para formação da cidadania. Traz a qualificação profissional para permitir que essas pessoas, ao serem qualificadas, possam ter a oportunidade de emprego", disse Doria.

Com soluções integradas nas áreas de educação, economia e ecologia, as Praças têm como objetivo promover a cidadania e a inclusão social em espaços de extrema vulnerabilidade. O programa oferece mais de 20 cursos profissionalizantes em seis áreas do conhecimento: beleza e bem-estar, moda e arte, gastronomia, informática, construção civil e administração.

Os cursos desenvolvidos pelo Fundo Social de São Paulo, em parceria com o Centro Paula Souza, são voltados para a geração de renda e ao desenvolvimento da economia local. No local, também são ofertados serviços do Centro de Integração e Cidadania (CIC), da Secretaria da Justiça e Cidadania, para emissão de segunda via de documentos.

Praça Aberta de Esporte e Lazer
O programa ainda contempla a melhoria das condições urbanas do território com a implantação de áreas voltadas para o esporte, lazer e convivência. Nas Praças Públicas, são estimuladas a prática de atividades culturais, esportivas e artísticas, além de incentivar a participação comunitária e integração da população residente naquela comunidade.

O espaço destinado ao lazer, esportes e convivência poderá contar, dependendo de cada projeto, com academia ao ar livre, pista de caminhada e corrida, quadra poliesportiva, quadra de futebol society, quadra de basquete de rua (3×3), área de jogos, parquinho infantil, arena ao ar livre, jardim de chuva e horta comunitária.

Parceria com a iniciativa privada
Para a realização da Praça, o município deve disponibilizar um terreno e providenciar a aprovação legal dos trâmites para instalação do projeto, além de coordenar a mobilização junto à comunidade para adesão à iniciativa. A gestão, manutenção e zeladoria dos espaços públicos, após a implantação, cabe também à municipalidade.

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sexta, 28 Janeiro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/