Sidebar Menu

Nelson Teich recusa pedido para ser conselheiro do Ministério da Saúde

 Pedido foi feito por Eduardo Pazarello.
Ex-ministro foi chamado para ser conselheiro da pasta pelo interino. (Andressa Anholelette - Huffpost Brasil)

O ex-ministro da saúde Nelson Teich, confirmou através de um post em uma rede social feito nesse sábado (23), ter recusado o convite para ser conselheiro da pasta.

Segundo Teich, aceitar o cargo seria incoerente. O convite foi feito pelo atual ministro da saúde, general Eduardo Pazuello.

Segundo o portal de notícias G1, o militar não tem formação na área da saúde e foi nomeado pelo próprio Teich, que é médico oncologista.

Nelson Teich ficou à frente da pasta por menos de um mês. Ele assumiu o lugar do também médico Luiz Henrique Mandetta.

O ex-ministro, antes de se demitir através de nota oficial, teve desentendimentos com o presidente da República Jair Bolsonaro (Sem Partido) sobre o uso da cloroquina no tratamento da Covid-19; o decreto que o presidente ampliou as atividades essenciais, que incluía salões de beleza, barbearia e academias de ginástica; e detalhes do plano com diretrizes para a saída do isolamento.

Confira abaixo a publicação de Nelson Teich em uma rede social, onde comenta que não irá assumir o cargo de conselheiro no Ministério da Saúde.

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 
No Internet Connection