Sidebar Menu

Câmaras da região gastaram R$ 197 milhões em 2018

Um mapeamento do Tribunal de Contas de São Paulo (TCE-SP) revela os gastos das sete Câmaras Municipais da região
Câmara de Osasco é um das que gasta menos e Barueri é a mais cara da região - Foto: Divulgação

Um mapeamento do Tribunal de Contas de São Paulo (TCE-SP) revela os gastos das sete Câmaras Municipais da região, ao todo, foram utilizados sem contar despesas com obras e compra de móveis, R$ 197.900.593,03 no ano de 2018, com pagamentos de serviços terceiros, pagamento de pessoal e encargos, aquisição de material de consumo, entre outras.

As Câmaras de Carapicuíba e Osasco são as que gastam menos na região, sendo desembolsados R$ 29,96 e R$ 70,75, respectivamente, por habitantes. Barueri e Santana de Parnaíba são as mais caras, R$ 184,53 e R$ 159,01, respectivamente.

"Este é mais um instrumento que favorece e incentiva o controle social e a transparência no uso dos recursos públicos. O cidadão, imprensa, o agente público, poderá, a qualquer local e momento, saber quanto custa o seu vereador e quanto é destinado para o Legislativo em sua cidade e região", destacou o presidente do TCE, Antonio Roque Citadini.

O ex-presidente da Câmara de Osasco, Dr. Lindoso (PSDB), comemorou os dados divulgados pelo TCE-SP obtidos durante sua gestão como a não renovação da locação de veículos e cortes de comissionados, entre outras ações.

Veja mais notícias sobre Política.

Veja também:

 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/

No Internet Connection