Sidebar Menu

Queniano vence a São Silvestre 2019

Campeão ultrapassou nos últimos segundos o atleta ugandense

O queniano Kibiwott Kandie foi o vencedor da corrida de São Silvestre deste ano. Kandie ultrapassou nos últimos segundos Jacob Kiplimo, de Uganda. Ele fez o trajeto de 15 quilômetros em 42 minutos e 59 segundos, quebrando o recorde da prova. Os corredores cruzaram a linha de chegada, na avenida Paulista, com os corpos quase colados um ao outro.

Titus Eriku, também do Quênia, ficou em terceiro lugar, chegando 55 segundos após o primeiro colocado. Ele venceu em 2019 a Maratona de Milão e a Meia de Lisboa.

Na disputa feminina, a queniana Brigid Kosgei confirmou o favoritismo e foi a primeira a cruzar a linha de chegada da corrida. Recordista da Maratona de Chicago, a atleta fez sua estreia na 95ª edição da corrida, completando o trajeto em 48 minutos e 54 segundos. O segundo lugar ficou com outra queniana, Sheila Shelangat. O terceiro com a etiopenseTisadk Nigus.

O melhor brasileiro na corrida deste ano foi Daniel Ferreira do Nascimento, ficando na 11ª posição, com o tempo de 46 minutos e 32 segundos. Já a melhor brasileira foi Graziele Zarri, que conquistou a mesma colocação, com o tempo de 54 minutos e 56 segundos.

Um grande número de amadores participou da São Silvestre 2019: 35 mil inscritos, de diversas partes do País.

Veja mais notícias sobre Geral.