Sidebar Menu

Letalidade da Covid-19 em Itapevi é a maior da região

Índice quase bate os 10%
Cidade está entre as que têm maior risco de se morrer por Covid na região (Foto: Soraia Sene/Giro S/A)

De acordo com os números divulgados hoje (24) dos índices de letalidade da Covid-19 nos municípios da região metropolitana, Itapevi é a cidade que apresenta maior risco de um paciente contaminado com o coronavírus vir a óbito.

O índice de letalidade na cidade, obtido através da divisão do número de casos pelo número de óbitos, chegou nesta sexta-feira a 9,9%. Significa que de cada 100 pessoas doentes, praticamente 10 podem vir a morrer de Covid-19 em Itapevi. 

A letalidade pode estar ligada a fatores como média de idade da população, capacidade do município no tratamento da doença nas unidades, entre outros.  

A cidade é seguida de perto por Barueri, cuja taxa de letalidade é de 9,2%. Em Osasco, a taxa ficou em 7%; em Carapicuíba 6%; em Jandira. 6,4%; em Cotia, 5,6%; e em Santana de Parnaíba 4%, a menor letalidade da região.

Parnaíba apresenta também, praticamente desde o começo da pandemia, os maiores índices de isolamento da região. Quando maior o isolamento, isto é, quando menos as pessoas se deslocam sem necessidade, menos expostos ficam à disseminação do vírus.

Veja na tabela abaixo como ficou o isolamento nas cidades da região nessa segunda semana de fase amarela de flexibilização da retomada da economia.




Ocupação de leitos de UTI

As taxas de ocupação de leitos de UTI para Covid-19 no departamento de saúde Oeste, que abrange as cidades de Osasco, Barueri, Carapicuíba, Santana de Parnaíba, Jandira, Itapevi e Pirapora do Bom Jesus, melhoraram nessa semana. A ocupação desses leitos está em 58,2% (era 60,7% na sexta-feira da semana passada). Já a ocupação de leitos em enfermaria aumentou. Está em 45% (era de 40,5% na sexta passada).

Já no departamento Sudoeste, que abrange as cidades de Cotia, Vargem Grande Paulista, Juquitiba, Taboão da Serra, Itapecerica da Serra, São Lourenço da Serra, Embu e Embu Guaçu, houve queda na ocupação de leitos tanto UTI quanto enfermaria. Hoje a ocupação de leitos UTI Covid está em 51,8% (era de 61,3% na sexta-feira passada) e enfermaria em 36,4% (era de 47,9%). 

Veja mais notícias sobre Geral.

Veja também:

 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/

No Internet Connection