Continental encerrará as operações em Santana de Parnaíba; mais de 200 serão demitidos

"Uma localidade que se mostrou pouco atrativa para instalação e permanência de empresas, aquém das outras cidades", diz empresa, que vai transferir as atividades fabris para outras unidades do País
Multinacional alemã está presente em 58 países e conta com mais de 235 mil empregados (Divulgação/Reprodução Linkedin)

Multinacional alemã do setor tecnológico e automotivo, a Continental Contitech anunciou que vai deixar o município de Santana de Parnaíba entre o fim deste ano e começo de 2022. A companhia, que possui polo industrial em Cururuquara, comunicou aos empregados sobre a mudança e, consequente, o desligamento dos mais de 200 funcionários que atuam no local.

Em nota, a empresa afirmou que a transferência das atividades fabris de Santana de Parnaíba para outros polos industriais, localizados em Ponta Grossa (PR) e Macaé (RJ), faz parte de uma decisão estratégica que "visa garantir competitividade sustentável a longo prazo, em um ambiente de mercado cada vez mais competitivo, e faz parte de um projeto de reestruturação global da companhia iniciado em 2019". Ainda segundo a Continental, Santana de Parnaíba é uma localidade que se mostrou pouco atrativa para instalação e permanência de empresas, aquém das outras cidades.

Em um ano turbulento que ainda sofre o impacto negativo da pandemia de covid-19, Santana de Parnaíba acumula alta no desemprego. No primeiro quadrimestre de 2021, cerca de 7.192 pessoas foram desligadas no município, conforme informou reportagem do Giro

Veja mais notícias sobre Economia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Terça, 21 Setembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/