Sidebar Menu

Osasco tem mais de 1,7 mil casos suspeitos e seis mortes por Covid-19

​Lins também falou das obras para a implantação de um hospital de campanha.
Foto: redes sociais
O prefeito de Osasco, Rogério Lins (Pode), voltou a enfatizar o crescimento do número de casos de coronavírus. Segundo o chefe do Executivo, a cidade tem 59 casos confirmados, 1.706 suspeitos, seis óbitos e 22 mortes que seguem aguardando o resultado de exames. Além disso, Osasco tem 27 pessoas que já se recuperaram do coronavírus. "Trago para vocês os números apresentados pela vigilância epidemiológica, outros dados não posso confirmar. Temos casos que são monitorados e que são de pessoas que trabalham em Osasco, mas que moram em outras cidades", disse ele, acrescentando que precisa do apoio da população para que Osasco passe por esse momento delicado. "Vamos continuar em oração e cumprindo as regras das autoridades da saúde. O momento é de união, vamos deixar as divergências políticas de lado", pede.

O prefeito ainda falou sobre a fiscalização feita por policiais militares e guardas civis para que o decreto que prorrogou a quarentena seja cumprido. "Pedimos para que as abordagens sejam feitas com muita educação e de forma esclarecedora. Estamos preocupados com a economia, mas a prioridade é salvar vidas. Por isso, vamos seguir as recomendações técnicas. As pessoas do grupo de risco precisam cumprir o isolamento social. O coronavírus já chegou a todos os bairros da nossa cidade, então peço que falem com aquele vizinho, amigo que ainda acha que não é algo grave", explica.

Lins também falou das obras para a implantação de um hospital de campanha. A estrutura está sendo montada na Policlínica da Zona Norte que, inicialmente, terá 70 leitos. mas poderá ser ampliada se houver aumento no número de casos na cidade. "Caso seja necessário, poderemos ampliar o número de leitos e chegar até 200. Além disso, temos a estrutura montada no Hospital Antônio Giglio, PSs do Santo Antônio e Osmar Mesquita e do Jardim D'Abril, onde serão 40 leitos. Ainda teremos mais 20 leitos no Hospital Regional, que serão entregues no dia 9 de abril", finaliza.

Veja mais notícias sobre Coronavírus.

Veja também:

 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/

No Internet Connection