Segunda dose da Pfizer é antecipada nas 645 cidades do estado de SP, anuncia governo estadual

Medida que reduz o intervalo de 12 para oito semanas faz parte de nova estratégia adotada pelo Plano Estadual de Imunização (PEI)
Governador de São Paulo decidiu pela antecipação da vacinação na quarta-feira (22), dia em que recebeu os governadores no Instituto Butantan

Beneficiando mais de 6,9 milhões de pessoas, o governo do estado de São Paulo antecipou o intervalo entre a primeira e a segunda dose da vacina da Pfizer de 12 para oito semanas. O governador João Doria (PSDB) decidiu pela antecipação da vacinação na quarta-feira (22), dia em que recebeu os governadores no Instituto Butantan

A nova estratégia foi definida pelo Plano Estadual de Imunização (PEI) e já pode ser realizada nos 645 municípios do estado de São Paulo. Para reforçar as orientações à população, a secretaria de estado da Saúde e a Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo (Prodesp) estão reprogramando o disparo de mensagens de texto pelo celular (SMS) e e-mail com informações sobre esta medida.

Quem recebeu a primeira dose da Pfizer, portanto, poderá conferir sua carteirinha para verificar a nova previsão de retorno ao posto, contando em seu calendário 28 dias antes da data até então sinalizada para receber a segunda dose.

Veja mais notícias sobre Metrópole.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quarta, 20 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/