Sidebar Menu

Osasco anuncia implantação de clínica de hemodiálise

Atualmente, os pacientes que necessitam do tratamento têm que recorrer a outros municípios
A hemodiálise está indicada para pacientes com insuficiência renal aguda ou crônica graves (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O prefeito da cidade de Osasco, Rogério Lins (Pode), anunciou na última quinta-feira (3), que o município terá a implantação de uma clínica de hemodiálise. A construção do centro foi aprovada pelo comitê de planejamento estratégico de saúde. Atualmente, os pacientes da cidade que precisam do tratamento são transportados para outros municípios. Na região, Itapevi conta com um centro de hemodiálise inaugurado em 26 de setembro de 2019 e em Barueri o Centro de Hemodiálise Dra. Sandra Vicenza Sarnodo.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Nefrologia, hemodiálise é um procedimento por meio do qual uma máquina limpa e filtra o sangue do corpo humano, ou seja, faz parte do trabalho que o rim doente não pode fazer. O procedimento libera o corpo dos resíduos prejudiciais à saúde, como o excesso de sal e de líquidos. Também controla a pressão arterial e ajuda o corpo a manter o equilíbrio de substâncias como sódio, potássio, uréia e creatinina. 

Veja mais notícias sobre Metrópole.

Veja também:

 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/

No Internet Connection