João Doria firma contrato de compra da vacina Coronavac com cinco estados da federação

Com a presença dos governadores do Ceará, Espírito Santo, Pará e Piauí, coletiva foi realizada excepcionalmente na sede do Instituto Butantan
João Doria e Dimas Covas receberam os governadores do Ceará, Espírito Santo, Pará e Piauí na sede do Instituto Butantan (Divulgação / Governo do Estado de São Paulo)

Nesta quarta-feira, 22 de setembro, a tradicional coletiva realizada pelo governador do estado de São Paulo, João Doria (PSDB), foi excepcionalmente feita na sede do Instituto Butantan, em São Paulo.
O principal assunto tratado foi a liberação de 2,5 milhões de doses da vacina contra a covid-19 Coronavac, compradas diretamente por cinco estados brasileiros: Ceará, Espírito Santo, Pará, Piauí e Mato Grosso. Além de João Doria, participaram da coletiva, que também foi uma cerimônia, o presidente do instituto, Dimas Covas, e os governadores do Ceará, Camilo Santana (PT); do Espírito Santo, José Renato Casagrande (PSB); do Pará, Helder Barbalho (MDB); e do Piauí, Wellington Dias (PT). Apenas o governador de Mato Grosso, Reinaldo Azambuja (PSDB) não estava presente.
Conforme previsto nos acordos firmados, o Pará vai receber um milhão de doses da Coronavac. Os estados do Espírito Santo e Mato Grosso contrataram 500 mil doses cada. E completando o carregamento de 2,5 milhões de vacinas, o Ceará irá receber 300 mil doses e o Piauí ficará com as outras 200 mil. Essas unidades disponibilizadas vão contribuir com os planos de imunização e enfrentamento da pandemia de cada uma das localidades.

Veja mais notícias sobre Metrópole.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 18 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/