Sidebar Menu

Hospital Municipal de Barueri disponibiliza equipamento com alta tecnologia para tratar covid-19

Considerado raro no setor público, Cateter Nasal de Alto Fluxo (CNAF) pode ofertar até 60 litros de oxigênio por minuto
O CNAF é um equipamento considerado raro no setor público (Foto: Divulgação / Reprodução Janaína Barbedo)

O Hospital Municipal de Barueri Dr. Francisco Moran (HMB), considerado referência em internação de pessoas com suspeita e confirmação de covid-19, disponibiliza aos pacientes o Cateter Nasal de Alto Fluxo (CNAF). O equipamento, considerado raro no setor público, serve como suporte respiratório, além de melhorar a oxigenação de pacientes.

De acordo com Paulo Tierno, diretor técnico do hospital, o cateter tem alto fluxo pois fornece elevado teor de oxigênio e pode prevenir o processo de intubação e de reintubação. Alexandre Roque, diretor clínico do HMB, complementa, informando que a covid-19 causa várias pequenas lesões pulmonares, e quando o pulmão está doente, há excesso de alvéolos em funcionamento. Para tratar, a disponibilidade de mais oxigênio é fundamental. Como comparativo, um cateter comum oferta cerca de cinco litros de oxigênio por minuto, já o cateter de alto fluxo, chega a disponibilizar até 60 litros por minuto.

Além de oferecer mais oxigênio, o CNAF também realiza a tarefa de forma mais intensa e concentrada, uma vez que é colocado apenas no nariz do paciente, diferente de outros métodos não-invasivos que também cobrem a boca. Dessa forma, há condições para que a pessoa converse e faça as refeições normalmente. 

Veja mais notícias sobre Metrópole.

Veja também:

 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/