Sidebar Menu

Bares, restaurantes e salões reabrem na segunda-feira

Cinemas e teatros só abrem se SP ficar 4 semanas na fase amarela 
Restaurantes e bares só poderão funcionar com 40% da capacidade total. (Foto: Pexels)

O Governo de São Paulo anunciou, nesta sexta-feira (3), que bares, restaurantes, salões de beleza e academias vão poder reabrir a partir de segunda-feira (6). 

A medida vale para as cidades que estão na fase amarela do Plano São Paulo, como a Capital, Cotia e Vargem Grande Paulista.

Os bares e restaurantes só poderão abrir por seis horas com 40% da sua capacidade, com um metrô de distância entre as mesas e o funcionamento de seis horas, com fechamento até as 17 horas.

Os estabelecimentos não poderão funcionar durante à noite.

Em Cotia, a cidade segue na fase amarela do Plano São Paulo. A cidade também oferece, segundo uma nota oficial, diferentes opções de horários aos comerciantes locais.

"A Prefeitura de Cotia segue com as ações de flexibilização em consonância com o Plano SP. Restaurantes, bares, lanchonetes poderão abrir seis horas por dia, como prevê o Plano SP, em Cotia, no entanto, a administração dá a opção de os estabelecimentos abrirem três horas no período de almoço e três no período do jantar, ou seis horas consecutivas" explicou a Prefeitura.

Reabertura de cinemas e teatros

Durante a coletiva, o governador João Doria (PSDB) também antecipou a reabertura da autorização da reabertura de teatros, cinemas, salas de espetáculos, academias e a realização de eventos culturais com público sentado.

Esse tipo de atividade só será liberada também para cidades que estejam na fase amarela do plano de gestão estadual de flexibilização da quarentena no Estado.

A reabertura está prevista para acontecer no dia 27 de julho.

Anteriormente, a reabertura dos setores culturais, com restrições, aconteceria somente na fase 5 (azul).

De acordo com o portal de notícias G1, o Brasil tem 300 mil empreendimentos culturais, sendo 40% dessas estão no Estado de São Paulo.

A área cultural foi uma das atividades econômicas mais afetadas pela pandemia do coronavírus.

De acordo com o Governo Estadual, o setor também irá elaborar um protocolo de funcionamento.

Entretanto, Doria anunciou algumas restrições que deverão ser seguidas para reabertura. São elas:

  • Ocupação máxima deve ser de 40%.
  • Uso de máscara obrigatório.
  • Venda de ingressos exclusivamente online.
  • Assentos devem ser marcados respeitando o distanciamento social.
  • Alimentos e bebidas não poderão ser consumidos nos estabelecimentos.
  • Adoção de protocolos específicos.
  • Eventos deverão controlar o acesso e o número de pessoas, observando a lotação máxima.
  • Funcionamento de até 6 horas por dia. 

Veja mais notícias sobre CoronavírusMetrópole.

Veja também:

 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/

No Internet Connection