Sidebar Menu

Estradas de Araçariguama, Cotia, Jandira e Pirapora receberão investimentos do programa Novas Estradas Vicinais

Obras vão modernizar mais de 1.500 quilômetros de estradas municipais e gerar 15 mil empregos. Ao todo, estado de SP irá investir R$ 1,2 bilhão
Estrada da Represinha, ligação entre Cotia, Itapecerica da Serra e Embu foi uma das contempladas no programa (Vagner Santos/Prefeitura de Cotia)

O governo do estado de São Paulo abriu a licitação para a contratação das duas primeiras fases do programa "Novas Estradas Vicinais", que irá recuperar e modernizar cerca de 1.563 quilômetros estradas de responsabilidade municipal em todo o estado. Nesta etapa inicial, as cidades de Araçariguama, Cotia, Jandira e Pirapora do Bom Jesus serão contempladas pela ação. O anúncio foi feito na quarta-feira (5), em uma coletiva de imprensa realizada no Palácio dos Bandeirantes, com o governador João Doria (PSDB).

Ao todo, serão investidos R$ 1,2 bilhão em obras licitadas pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER-SP). Segundo o governador, o projeto terá quatro etapas.

"Só nestas fases um e dois, haverá investimento de R$ 1,2 bilhão e 1,5 mil quilômetros de novas vicinais aqui no estado de São Paulo. O efeito não é só a recuperação física das vicinais, e sim o que elas representam de fato para a vida dos municípios no campo e na cidade. É uma grande transformação. Nas quatro fases do projeto serão R$ 2,5 bilhões de investimentos e 3 mil quilômetros de novas estradas vicinais.", afirmou Doria.

De acordo com o governo estadual, nestas etapas iniciais do programa somam 139 rodoviais. O pacote vai gerar cerca de 15 mil empregos, entre vagas diretas e indiretas. O DER explica que as estradas vicinais são essenciais para o escoamento da produção agrícola e movimentam as economias regionais, além de garantir o deslocamento da população de cidades menores a grandes centros urbanos, que dão acesso a serviços importantes como saúde e educação.


A Estrada Vicinal Ubaldo Lolli, ligação da SP 280 a Pirapora do Bom Jesus passará por reformas (Divulgação/Reprodução Faceboook)

Em todo o estado, a primeira fase do programa soma 66 vicinais (divididas em 53 lotes de obras) e 76 cidades, totalizando 745 quilômetros e R$ 577 milhões. Já a segunda fase, são 73 estradas (divididos em 58 lotes) e 85 municípios, somando 818 quilômetros de recuperação e R$ 634,5 milhões em investimentos estimados.

O programa prevê obras para recuperação de pistas já asfaltadas, pavimentação das estradas em terra e melhorias em sinalização e sistema de drenagem. A expansão do Novas Estradas Vicinais pode acontecer ainda neste ano, de acordo com a conclusão dos serviços previstos nas atuais etapas.

A documentação foi publicada no Diário Oficial Estadual no dia 2 de março e as propostas de preço das duas primeiras fases foram recebidas na sede do DER, em 20 e 22 de abril respectivamente. Neste momento, as propostas passam por análise minuciosa das equipes de licitação do órgão estadual.

Entretanto, ainda não foi divulgado quanto cada município receberá de investimento neste projeto. Confira abaixo quais cidades e suas estradas que irão receber as modernizações.

Fase Um

- Estrada Vicinal Ubaldo Lolli I: ligação da SP 280 a Pirapora do Bom Jesus.
- Estrada Vicinal Ubaldo Lolli II: ligação de Ubaldo Lolli I ao município de Araçariguama.
- Estrada Vicinal Benedito Domingos Velho, que liga a SP-029 à estrada Velha de Itu, que por sua vez faz acesso à SPA 032/280, em Jandira.

Fase Dois

Estrada da Represinha / Estrada da Barragem, ligação entre Cotia, Itapecerica da Serra e Embu, com 10,1 kms de melhorias

Veja mais notícias sobre Metrópole.

Veja também:

 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/