Sidebar Menu

Covid-19: Cardiopatia e Diabetes são recorrentes nos óbitos de cinco cidades da região

A reportagem do Giro S/A fez o levantamento do perfil da mortalidade em Barueri, Carapicuíba, Cotia, Osasco e Santana de Parnaíba
Maioria das vítimas fatais de coronavírus nestas cidades estão na faixa de 60 até 79 anos (Foto: Divulgação/Marcello Camargo/Agência Brasil)

Os municípios de Osasco, Barueri, Carapicuíba, Cotia e Santana de Parnaíba somam mais de 36 mil contaminados por covid-19. É o que afirma a Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade), com números atualizados na quarta-feira (14). Juntas, as cidades totalizam 1.848 mortes por coronavírus. A faixa etária da maioria das vítimas é composta por idosos, pessoas do sexo masculino, sendo que as doenças preexistentes mais comuns são a cardiopatia e o diabetes. A seguir, confira os dados detalhados.

Barueri
A cidade soma 7.124 casos de covid-19, sendo 52% entre o sexo feminino e 48% masculino.

Em relação aos óbitos são 377 registros, sendo 53% do sexo masculino e 47% feminino.

A faixa etária mais atingida é de idosos entre 60 a 79 anos. A distribuição ocorre da seguinte forma: 10 a 19 anos (0,5%), 20 a 29 anos (1,1%), 30 a 39 anos (2,7%), 40 a 49 anos (12,2%), 50 a 59 anos (15,9%), 60 a 69 anos (23,9%), 70 a 79 anos (23, 9%), 80 a 89 (7,2%) e 90 anos ou mais (2,7%). Destes, 53,4% são brancos, 35,6% pardos e 8,2% negros.

Cotia
O município atingiu o total de 4.275 pessoas com covid-19. Destas, 52% são do sexo feminino e 48% do sexo masculino.

Os óbitos totalizaram 195 vítimas, destas, 54% são do sexo masculino e 46% feminino.

A maioria das mortes está na faixa de 70 a 79 anos, representando 27,2%. Em seguida estão as pessoas na faixa de 60 a 69 anos (23,1%). Com 50 a 59 anos (16,9%), 80 a 89 anos (13,3)%, 40 a 49 anos com (12, 3%), 90 anos ou mais (5,1%), 30 a 39 anos (2,1%).

Dentre as vítimas fatais do covid-19, 54,9% são pardas, 32,7% são brancas e 10,5% são negras.

Carapicuíba
O município é o segundo com mais casos na região. Soma 7.968 casos, sendo 54% feminino e 46% masculino.

Em relação à mortalidade, há 361 óbitos, sendo 62% masculino e 38% feminino.

Destes, a distribuição da faixa etária fica em: 10 a 19 anos (0,3%), 20 a 29 anos (1,7%), 30 a 39 anos (2,8%), 40 a 49 anos (7,8%), 50 a 59 anos (16,6%), 60 a 69 anos (28%), 70 a 79% (28%), 80 a 89 anos (13%), 90 anos ou mais (1,9%).

Entre os óbitos, 46,3% são da raça branca, 40,6% parda e 11% negra.

Santana de Parnaíba
A cidade conta com 3.371 casos de covid-19 sendo 53% do sexo feminino e 47% do sexo masculino.

Já em relação aos óbitos, a soma chega a 102 com predominância no sexo masculino com 55% e 45% do sexo feminino.

Em relação à faixa etária temos a maior concentração entre os idosos de 60 a 69 anos. Não há registro de óbitos entre os jovens com menos de 30 anos.

A distribuição ocorre da seguinte forma: De 30 a 39 anos (2%), 40 a 49 anos (6,9%), 50 a 59 anos (12,7%), 60 a 69 anos (31,4%), 70 a 79 anos (20,6%), 80 a 89 anos (17,6%), 90 anos ou mais (8,8%).

Entre as vítimas fatais, 51,2% são brancas, 33,7% são pardas e 15,1% são negras.

Osasco
A cidade está no topo das cidades com mais casos na região. São 14.008 casos, sendo 53% do sexo feminino e 47 % do sexo masculino.

Os óbitos chegaram a 813, com predominância de 43% do sexo feminino e 57% masculino.

A maioria dos óbitos de Osasco estão entre os idosos de 60 a 79 anos.

Sendo que entre 20 a 29 anos são (1,4%), 30 a 39 anos (3,7%), 40 a 49 anos (7,6%), 50 a 59 anos (13,8%), 60 a 69 anos (25,5%), 70 a 79 anos (24,2%), 80 a 89 anos (18,3%) e 90 anos ou mais (5,5%).

Entre os óbitos, 57,7% são brancos, 29,4% são pardos e 11,1% negros. 

Veja mais notícias sobre Metrópole.

Veja também:

 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/

No Internet Connection