Chef Paola Carosella inaugura unidade da rede La Guapa em Cotia

Instalada no shopping The Square, km 22,6 da Raposo Tavares, charmosa loja oferece empanadas artesanais em 11 sabores, com preço único de R$ 8,90
No fim de abril, a rede La Guapa completou oito anos de atuação (Divulgação/Reprodução Instagram)
A chef de cozinha Paola Carosella e o empresário Benny Goldenberg inauguraram mais uma unidade da La Guapa em abril. A nova loja da rede de empanadas artesanais está localizada no bairro Granja Viana, em Cotia, dentro do Open Mall The Square. A primeira loja surgiu em 2014 no Itaim Paulista, SP, e até hoje segue o mesmo padrão das outras 26 unidades do grupo. Todas as empanadas são feitas à mão, seguindo a tradicional gastronomia latino-americana, e depois assadas em forno de alta temperatura.

Paola e Benny se conheceram em 2013 e trocaram serviços. Ela ajudou com o cardápio do Mangiare, antigo restaurante do empresário, e Benny no sistema de gestão do Arturito, restaurante de Paola localizado em Pinheiros, SP. No Instagram @mestresdareal a chef contou que após trabalharem juntos, viraram sócios e ambos queriam um café que pudesse ser expandido em várias unidades. A ideia era uma proposta simples: comida boa e mais acessível do que os outros restaurantes de alto padrão. No cardápio, a rede apresenta empanadas suculentas que são o carro-chefe da casa, em diversos sabores, com opções veganas, além de café, alfajores e picolés. Ao todo, são 11 sabores com um valor único de R$ 8,90 e cada uma possui um formato diferente.

Ao todo, público tem à disposição 11 sabores de empanadas (Divulgação/La Guapa)

A empanada do La Guapa
Com origem Persa, as empanadas foram trazidas aos países latinos pela colonização espanhola. A tradicional Saltenha, referência à cidade de Salta na Argentina, está presente no cardápio com o tradicional recheio de carne, ovo, azeitonas e batata cozida. Esse sabor de empanada se popularizou com Juana Manuela Gorriti, salteña, poetisa e escritora. Em virtude da ditadura na Argentina, fugiu com a família para a cidade de Tarija, na Bolívia. Para ganhar dinheiro, Juana começou a fazer empanadas para vender. Era uma receita típica de sua cidade natal e começou a fazer muito sucesso na cidade. Em decorrência disso, ganhou o apelido de "la salteña", referindo-se à Juana, aquela que veio de Salta. Atualmente, na Bolívia, salteña é sinônimo de empanada, podendo ser de carne, de frango ou vários outros recheios.

A ex-jurada do "MasterChef Brasil", exibido pela "Band", contou ao blog "Revista Menu", alguns de seus segredos na hora de preparar a empanada, uma das iguarias mais apreciadas entre os latinos. "Na Argentina, a massa se faz com gordura de boi, o que chamamos de pella. Aqui, no La Guapa, a massa é preparada com banha de porco", disse a chef ao blog "Revista Menu".

Já em relação ao recheio, ela ensina que ele deve ser colocado em uma assadeira e resfriado antes de ser usado. "Na hora de montar uma empanada, quando se pega com a colher uma porção de recheio, é importante ter a proporção exata de carne e cebola e emulsão – senão, a salteña fica seca", orienta.


Unidades La Guapa também oferecem combos com empanadas artesanais e salada (Divulgação/La Guapa)

Crescimento da marca La Guapa
Desde 2014 no mercado, a marca se expandiu pouco a pouco e em 2020 recebeu aporte de R$ 50 milhões da nova sócia, a gestora de private equity Concept Investimentos. Juntos, compõem o conselho de administração da La Guapa. O projeto prevê a abertura de 80 unidades em todo o Brasil, segundo Goldenberg. "A ideia é, depois da cidade de São Paulo, partir para o Rio de Janeiro e seguir aos poucos para outras regiões e capitais", afirmou Goldenberg, em entrevista ao portal "Exame".

Para suprir a demanda, O La Guapa tem a própria central de produção, localizada na Vila Leopoldina, SP, onde fabrica todas as empanadas que saem para as lojas. Em números oficiais da empresa, a produção mensal gera uma tonelada de frangos, 10 mil ovos, 12 toneladas de farinha, 1 tonelada de doce de leite, 10 mil alfajores e 500 mil empanadas para atender 100 mil clientes/mês.

O ambicioso projeto quebrou recorde de abertura de lojas em 2022 e promete 41 unidades até o fim deste ano, conforme informou a assessoria de imprensa à reportagem do Giro/SA. O conhecimento administrativo de Benny, formado em Administração de Empresas, com pós-graduação em marketing de luxo e o toque especial da Chef Paola na cozinha efetivaram o sucesso do La Guapa.

Quem quiser provar as tradicionais receitas da culinária latina, tema central do La Guapa, pode visitar a nova loja no The Square, localizado na rodovia Raposo Tavares km22. O local funciona de segunda a sexta-feira, das 10h às 22h, e aos sábados e domingos, das 12h às 22h. Além disso, também há a opção de delivery por meio do iFood ou Rappi. Na região oeste de São Paulo, além desta unidade que acaba de ser inaugurada na Granja Viana, a rede de empanadas tem mais uma loja na avenida Copacabana, em Alphaville, Barueri.


Chef Paola Carosella ao lado de seu sócio, Benny Goldenberg (Divulgação/La Guapa)

Veja mais notícias sobre Metrópole.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 04 Julho 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/