Barueri: reforço escolar atende quatro mil alunos nas férias, em 11 polos educacionais

Segundo a administração municipal, o nível de frequência é de quase 100%. Os estudantes podem aproveitar para tirar dúvidas e rever conteúdos do ano passado
Na Emef Estevan Placêncio, no bairro Nova Aldeinha, 33 alunos do período da manhã (do 6º ao 8º ano) e 74 alunos da tarde (do 1º ao 5º ano) frequentam as aulas de reforço (Ricardo Santos/Secom)

Em Barueri, as férias escolares têm sido uma boa oportunidade para reforçar o aprendizado do ano que passou. Cerca de quatro mil estudantes da rede municipal de ensino estão frequentando aulas de reforço promovidas pela Secretaria de Educação. A ideia foi criar a oportunidade para os alunos tirarem dúvidas e rever os conteúdos didáticos que não puderam ser suficientemente aprendidos por causa da pandemia da covid-19.

Ao todo, são 11 polos de reforço nas férias que funcionam em Emefs (Escolas Municipais de Ensino Fundamental) em várias regiões do município. Os estudantes recebem o conteúdo das mesmas disciplinas do período regular, além de transporte e merenda escolar. As turmas ocorrem nos períodos da manhã e tarde. O nível de frequência dos alunos é de quase 100 % segundo a administração municipal.

Os protocolos sanitários nas unidades de ensino vêm sendo cumpridos rigorosamente, com distanciamento entre os estudantes, disponibilidade de álcool em gel, bem como uso de máscara.

Em 2021, os estudantes de Barueri não puderam ter aulas presenciais por quase todo o ano. Em outubro de do ano passado, a Secretaria de Educação havia dado início às aulas de recuperação intensiva aos sábados também para garantir o processo integral de oferta educacional.

Ensino personalizado
Na Emef Estevan Placêncio, no bairro Nova Aldeinha, 33 alunos do período da manhã (do 6º ao 8º ano) e 74 alunos da tarde (do 1º ao 5º ano) frequentam as aulas de reforço. Para a diretora Maria Lucia Ricci, "os alunos que estão participando são aqueles que têm sede de aprender, estão tendo a oportunidade de um ensino personalizado, com um atendimento que leva em conta a dificuldade de aprendizagem de cada um."

Maria Lucia ressalta ainda que "esses alunos que estão abrindo mão do lazer nas férias para se dedicarem aos estudos certamente se destacarão no futuro, como estudantes e como futuros profissionais."

Veja mais notícias sobre Metrópole.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Segunda, 23 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://www.girosa.com.br/